Sobre os Projetos

O planejamento e o dimensionamento da força de trabalho no SUS ainda são um problema, visto que gestores e técnicos, na maioria das vezes, não dominam uma metodologia que indique o quantitativo necessário de contratação e fixação de profissionais de forma a atender as necessidades reais do usuário do sistema. Por isso, a Rede Unida tem desenvolvido projetos que promovam tessituras entre educação, saúde e sociedade a partir de uma metodologia de formação integrada e multiprofissional, apostando em trabalhadores capazes de realizar leituras de cenário, identificar problemas e propor soluções no cotidiano de sua prática profissional.

A Rede Unida vem desenvolvendo projetos na temática do Planejamento e Dimensionamento da Força de Trabalho em Saúde,mem que estão sendo construídas metodologias de planejamento da força de trabalho em saúde para as áreas de Urgência e Emergências, Hospitalar, Atenção Básica e Vigilância em Saúde.

As experiências tratam-se de formações-dispositivo, ou seja, ao tempo em que se produz intercâmbio de saberes sobre essa temática, desenvolve-se a metodologia e se aplica a mesma em contextos concretos do Sistema Único de Saúde (SUS).

Formação, portanto, com o gosto de educação permanente em saúde. Ou seja, de uma educação que produz capacidades profissionais a partir de problemas concretos no mundo do trabalho. A “metodologia” de planejamento e dimensionamento que é objeto dessa formação é, na verdade, uma tecnologia que prevê inflexões a partir da realidade local. Há aqui uma produção de sentido distinta do que se faz usualmente para a “formação”, com base na produção epistemológica que embasa a educação permanente, tanto quando considerada como política do SUS, como também modo de produção do ensino-aprendizagem.

Conheça mais sobre cada um deles.